in ,

As eleições já são, hoje, a principal via contra a democracia liberal

Os que têm interesse pela democracia devem estudar com atenção o relatório 2018 do V-Dem Institute (Department of Political Science, University of Gothenburg).

Eles fazem uma classificação interessante por tipo de regime: Democracia Liberal, Democracia Eleitoral, Autocracia Eleitoral, Autocracia Fechada.

DEMOCRACIAS LIBERAIS (NÃO CHEGAM A 40)

Pela classificação V-Dem, Democracias Liberais – em 2017 – são apenas as seguintes (em ordem alfabética):

01. Albânia

02. Australia

03. Austria

04. Barbados

05. Belgium

06. Canada

07. Cape Verde

08. Chile

09. Costa Rica

10. Cyprus

11. Czechia

12. Denmark

13. Estonia

14. Finland

15. France

16. Germany

17. Ghana

18. Greece

19. Iceland

20. Ireland

21. Italy

22. Japan

23. Latvia

24. Luxembourg

25. Netherlands

26. New Zealand

27. Norway

28. Portugal

29. Slovenia

30. South Korea

31. Spain

32. Sweden

33. Switzerland

34. Taiwan

35. Trinidad and Tobago

36. Tunísia

37. UK

38. Uruguay

39. USA

Pelo monitoramento do V-Dem, entre 2007 e 2017, sete (7) países deixaram de ser Democracias Liberais e passaram a ser Democracias Eleitorais (Hungria, Lituânia, Israel, Mauricio, Polônia, Eslováquia, África do Sul) e apenas três países passaram de Democracias Eleitorais para Democracias Liberais- (com sinal ‘menos’) = Albânia, Barbados e Tunísia. E muitos outros passaram de democracias eleitorais para autocracias eleitorais.

AUTOCRACIAS (ULTRAPASSAM 80)

Pela classificação V-Dem, Autocracias Eleitorais e Autocracias Fechadas – em 2017 – são as 83 seguintes (em ordem alfabética):

AUTOCRACIAS ELEITORAIS

01. Afghanistan
02. Algeria
03. Armenia
04. Azerbaijan
05. Bangladesh
06. Belarus
07. Bhutan
08. Bih
09. Burundi
10. Cambodia
11. Cameroon
12. CAR
13. Chad
14. Comoros
15. Djibouti
16. DRC
17. Egypt
18. Equatorial Guinea
19. Ethiopia
20. Fiji
21. Gabon
22. Guinea
23. Honduras
24. Iran
25. Iraq
26. Kazakhstan
27. Kenya
28. Kyrgyzstan
29. Madagascar
30. Malaysia
31. Maldives
32. Mauritania
33. Montenegro
34. Mozambique
35. Myanmar
36. Nicaragua
37. Pakistan
38. Papua New G.
39. R Congo
40. Russia
41. Rwanda
42. Singapore
43. Solomon Isl.
44. Somaliland
45. Sudan
46. Tajikistan
47. Tanzania
48. The Gambia
49. Togo
50. Turkey
51. Uganda
52. Ukraine
53. Venezuela
54. Zambia
55. Zanzibar
56. Zimbabwe

AUTOCRACIAS FECHADAS

01. Angola
02. Bahrain
03. China
04. Cuba
05. DR of Vietnam
06. Eritrea
07. Hong Kong
08. Jordan
09. Kuwait
10. Laos
11. Libya
12. Morocco
13. North Korea
14. Oman
15. Palest. Gaza
16. Palestine Wb
17. Qatar
18. Saudi Arabia
19. Somalia
20. South Sudan
21. Swaziland
22. Syria
23. Thailand
24. Turkmenistan
25. UAE
26. Uzbekistan
27. Yemen

DEMOCRACIAS ELEITORAIS (NÃO CHEGAM A 60)

Pela classificação V-Dem, Democracias Eleitorais – em 2017 – são as 55 seguintes (em ordem alfabética). Atenção! Não confundir com as Democracias Liberais, que são apenas 39, nem com as Autocracias Eleitorais, que somam 56. Nem, é claro, com as Autocracias Fechadas, que ainda são 27.

DEMOCRACIAS ELEITORAIS

01. África do Sul
02. Argentina
03. Benin
04. Bolivia
05. Botswana
06. Brasil
07. Bulgária
08. Burkina Faso
09. Butão
10. Colômbia
11. Costa do Marfim
12. Croácia
13. El Salvador
14. Equador
15. Eslováquia
16. Filipinas
17. Georgia
18. Guatemala
19. Guiana
20. Guiné-Bissau
21. Haiti
22. Hungria
23. Ilhas Salomão
24. Ilhas Seicheles
25. India
26. Indonesia
27. Israel
28. Jamaica
29. Lesotho
30. Liberia
31. Lituânia
32. Macedonia
33. Malavi
34. Mali
35. Maurício
36. Mexico
37. Moldova
38. Mongolia
39. Namíbia
40. Nepal
41. Niger
42. Nigéria
43. Panamá
44. Paraguai
45. Peru
46. Polônia
47. República Dominicana
48. Romênia
49. São Tomé e Príncipe
50. Senegal
51. Serra Leoa
52. Sri Lanka
53. Suriname
54. Timor-Leste
55. Vanuatu

Ou seja, segundo o relatório 2018 do V-Dem Institute, temos mais regimes eleitorais autocráticos (56) do que democráticos (55). Mais uma prova de que democracia não é sinônimo de eleição.

Possivelmente o número de Autocracias Fechadas (regimes não-eleitorais, como China, Cuba e Coréia do Norte) tende a cair na medida em que aumenta o número de Autocracias Eleitorais e de Democracias Eleitorais (não-liberais). Ou seja, neste retrocesso democrático que está ocorrendo no século 21, o número de Democracias Liberais tende a cair. As eleições já são, hoje, a principal via contra a democracia liberal.


Democracy Unschool é um ambiente de livre investigação-aprendizagem sobre democracia, composto por vários itinerários. O primeiro itinerário é um programa de introdução à democracia chamado SEM DOUTRINA. Para saber mais clique aqui

Definir terrorismo não é trivial, mas o critério é a democracia, não uma doutrina ou a vontade dos governantes

Defender hoje o Estado laico virou imperativo democrático, quem diria?