in ,

Inscrições para o programa Sem Doutrina: somente hoje

Se você quer conhecer uma justificativa de por que é vital aprender democracia nos tempos que correm, leia primeiro o artigo Para se tornar um democrata.

Uma das iniciativas nesse sentido é o curso de introdução à democracia chamado Sem Doutrina. As inscrições para esse curso vão somente até às 23h59 de hoje (30/11/2018).

O curso começa no dia 3 de dezembro de 2018 (é a distância, tem trinta módulos, enviados por e-mail, com fórum de discussão para quem quiser interagir).

Todo material de estudo complementar está incluído gratuitamente. Se você se interessa pelo assunto, não deve perder a oportunidade (pois novas turmas só serão abertas a partir do segundo semestre de 2019). Será uma espécie de curso de verão, profundo, mas leve e divertido, que você pode fazer onde estiver (até na praia ou no campo, desde que tenha acesso a e-mail, mesmo que só por celular).

Sem Doutrina oferece um itinerário de aprendizagem composto por perguntas usuais que questionam a democracia, do tipo: Como pode haver verdadeira liberdade (e democracia) sem um mínimo de igualdade (cidadania plena)? De que adianta ter democracia se o povo passa fome (ou como pode haver democracia política enquanto não for reduzida a desigualdade social)? Um líder identificado com o povo não pode fazer mais (pelo povo) do que instituições cheias de políticos corruptos controlados e financiados pelas elites? Como a democracia pode funcionar direito quando faltam aos cidadãos os conhecimentos necessários para interpretar a realidade social e escolher conscientemente os melhores caminhos? Os seres humanos, abandonados à sua própria sorte, sem uma direção política capaz de conduzi-los, não acabarão entrando em luta uns contra os outros, instaurando um verdadeiro caos social? E muitas outras. O objetivo é responder às objeções comuns à democracia que permanecem sendo repetidas ad nauseam pelos autocratas e analfabetos democráticos.

BONUS

Quem fizer sua inscrição até hoje (30 de novembro) terá acesso gratuito ao programa de reconhecimento de padrões autocráticos chamado 100 Dias de Inverno, que terá início em 17 de junho de 2019, logo após a conclusão do curso Sem Doutrina.

O 100 Dias de Inverno é um projeto de investigação-aprendizagem democrática pelo exercício do reconhecimento de padrões autocráticos. O projeto é baseado na leitura de 10 livros clássicos de ficção e 10 filmes ou séries de conteúdo distópico e tem somente 100 vagas. Por exemplo, O Conto da Aia – The Handmaid’s Tale – de Margaret Atwood (1985), será um dos livros, assim como a série de televisão estadunidense, com o mesmo nome, criada por Bruce Miller (2017).

Informações completas sobre o curso Sem Doutrina (que começa no próximo 3 de dezembro) estão neste link: http://democracia.org.br


Democracy Unschool é um ambiente de livre investigação-aprendizagem sobre democracia, composto por vários itinerários. O primeiro itinerário é um programa de introdução à democracia chamado SEM DOUTRINA. Para saber mais clique aqui

Deixe uma resposta

Loading…

Deixe seu comentário

Para se tornar um democrata

Reinaldo Azevedo: Polícia, Chicago e Caserna